09 setembro 2011

"E Pensar que Tudo Isso é Oco".

eu sou meu cérebro. me visto com alguns de meus melhores pensamentos, em tons de cinza, azul e preto. as palavras são meus acessórios. calculam minhas horas, enfeitam minha pele, dão beleza e brilho ao meu semblante. caminho com minhas ideias nos pés. são elas que me guiam pelas ruas e ditam minhas viagens particulares. se me perco no caminho é por que mudei de ideia, por que o pensamento se desviou. piso em pedregulhos, mas eles não machucam as ideias. impossível atingir o que não se sente mais, o inexistente.

23 outubro 2010

Dias de bocejo

concentro-me no bocejo. contemplo toda a ação que me leva a abrir a boca no movimento ansioso por ar e oxigenação para o cérebro. sinto todos os músculos da face contorcendo-se e sugando minha inteira atenção. concentro-me no bocejo e me agarro a ele como forma de passatempo. ao bocejar, fecho os olhos, mas leio as paredes ao meu redor e estudo...

15 abril 2009

Mudanças

Aí vai uma lista dos porquês limpar o armário:


1. Seu estilo tem que estar de acordo com seus hábitos. Exemplo: se você está namorando e parou de sair em baladas, doe uma parte dos seus tops brilhantes e salto-agulha.

2. O estilo pessoal é algo entre o que você é e o que pode ser - e não sobre o que a sua tia gostaria que você fosse. Dê um jeito de doar a blusa que ela te deu de aniversário e que não tem nada a ver com você!


3. Há quantos verões você não usa aquela saia branca de babados que você achou que ia usar quando comprou? (Última chance: até o réveillon. Não usou, manda embora!)


4. Se existe alguma peça que você não usa há mais de três meses é porque ela não é mais você!


5. Roupas que alargaram, que encurtaram e que não ficam bem em você lembram a pessoa errada!


Acredite: com um armário mais enxuto mas com peças que você realmente aposta, suas escolhas vão ser mais fáceis!

Extraído do Blog Made in Paradise, editado por Adriana Yoshida, da Revista Capricho.